25/07/2023

Como adotar medidas de gestão de riscos com os 4 Ks do compliance?

Saiba como proteger sua empresa ao conhecer as partes envolvidas nos negócios com as estratégias de KYC, KYP, KYE e KYS
Laura Resende
4 Ks do Compliance

O cumprimento das regulamentações e a mitigação de riscos são fundamentais para garantir a integridade e a estabilidade das empresas no mercado.

Instituições como, por exemplo, bancos, seguradoras, corretoras e cooperativas de crédito, desempenham um papel crucial nesse contexto, sendo responsáveis por assegurar que estejam em conformidade com leis, regulações e políticas internas.

Por isso, neste artigo, vamos explorar os “4 Ks”: Know Your Partner, Know Your Customer, Know Your Employee e Know Your Supplier e suas funções nesse processo.

Cenário atual do setor financeiro

A exposição aos riscos é uma realidade constante na área, por isso algumas ações são extremamente necessárias para evitar consequências legais e reputacionais, como multas, perda de clientes e até mesmo o fechamento da empresa.

Portanto, é fundamental adotar medidas proativas para identificar, avaliar e mitigar quaisquer um desses problemas associados às operações.

Os 4 Ks do compliance

Os 4 Ks são estratégias-chave para ajudar empresas do mercado financeiro. Veja como, quais são e a importância de cada uma delas:

1. Know Your Partner (conheça seu parceiro)

Conhecer os prestadores de serviço evita relacionamentos com entidades suspeitas ou envolvidas em atividades ilegais, pois a falta de informações sobre esses terceiros pode expor as instituições financeiras.

Uma prática recomendada para essa avaliação é a implementação de processos de due diligence, que inclui verificação da reputação, análise de históricos e a realização de pesquisas detalhadas sobre a empresa e seus principais acionistas.

De acordo com a Resolução CVM n.º 21/21, e o Código ANBIMA de Administração de Recursos de Terceiros para associados, o compliance de gestoras de recursos de terceiros deve estabelecer, atualizar e aplicar em suas contratações sua Política de Seleção, Contratação e Monitoramento de Prestadores de Terceiros, bem como se os terceiros estão sendo adequadamente selecionados e supervisionados pela gestora contratante e se estão sendo mantidos os registros das respectivas due diligences.

2. Know Your Customer (conheça seu cliente)

A identificação adequada dos clientes é um requisito fundamental para prevenir atividades criminosas, como lavagem de dinheiro e financiamento do terrorismo. É importante realizar verificações de identidade e histórico para garantir que os mesmos sejam legítimos e íntegros.

A implementação de procedimentos de due diligence, como a análise de transações e o monitoramento contínuo das atividades dos clientes permite identificar comportamentos suspeitos associados a transações fraudulentas.

Ainda de acordo com o Código ANBIMA de Administração de Recursos de Terceiros, gestores de patrimônio associados devem implementar e manter, em documento escrito, regras e procedimentos que descrevam o processo de KYC adotado pela instituição.

Já a Resolução CVM n.º 50/21 dispõe que gestores distribuidores, consultores de investimentos e gestoras de recursos de terceiros, por exemplo, devem monitorar a base de clientes para a verificar se houve alguma alteração após o início do relacionamento que possa alterar sua classificação para alto risco, além de monitorar trimestralmente os procedimentos de KYC.

3. Know Your Employee (conheça seu funcionário)

O entendimento abrangente dos antecedentes e histórico de funcionários também garante a integridade da empresa e suas equipes. Afinal, é importante saber quem são as pessoas contratadas para colaborar na empresa.

Nesse sentido, a realização de verificações de antecedentes, também conhecidas como background check, contribui na promoção de um ambiente de trabalho mais seguro.

É indicado realizar verificações de antecedentes criteriosos, que envolve a obtenção de informações sobre histórico de emprego, referências profissionais e educacionais, bem como a realização de pesquisas para identificar possíveis antecedentes criminais ou envolvimento em atividades ilegais passadas.

O background check é uma prática altamente recomendada para garantir que os candidatos estejam em dia com as políticas de contratação e possuam a qualificação necessária para exercer suas funções de maneira adequada.

Treinamento e conscientização dos funcionários Além das verificações de antecedentes, é essencial fornecer treinamento e conscientização aos funcionários já contratados sobre as políticas e regulamentações.

Isso os capacita a compreender os riscos envolvidos em suas funções e os prepara para agir de acordo com os padrões éticos e legais estabelecidos.

4. Know Your Supplier (conheça seu fornecedor)

É necessário estabelecer processos de avaliação e monitoramento dos fornecedores para garantir que estejam em conformidade com as regulamentações e padrões pré-estabelecidos.

Ao selecioná-los, é importante considerar critérios de integridade e qualidade. Contratos e termos de serviço bem definidos devem ser estabelecidos para garantir que os fornecedores atendam aos requisitos legais e éticos.

Implementação dos 4 Ks no programa de compliance

Para uma abordagem eficaz, é essencial integrar os 4 Ks em um programa abrangente.

As estratégias devem ser implementadas em conjunto, garantindo que todos os aspectos do negócio sejam abordados de maneira adequada, e essas ações requerem um compromisso contínuo com a conformidade.

É necessário estabelecer políticas claras, investir em tecnologia e sistemas adequados, além de capacitar os funcionários para a adoção eficaz dessas estratégias.

  • Desafios e soluções para adotar as melhores práticas: alguns desafios podem surgir, como falta de recursos, complexidade regulatória e resistência interna. É importante superar esses obstáculos por meio de soluções como automação de processos, parcerias com especialistas externos, treinamentos e engajamento de liderança

  • Benefícios e resultados da adoção dos 4 Ks: essas estratégias promovem a construção de uma reputação sólida, o aumento da confiança do cliente e a redução de perdas financeiras.

  • O futuro dos negócios: à medida que o mercado continua a evoluir, a adoção dos 4 Ks se torna cada vez mais importante. Essas estratégias permitem conhecer e avaliar parceiros comerciais, clientes, funcionários e fornecedores, reduzindo a exposição a atividades ilegais, fraudes e outros.

Somente assim, as empresas poderão se destacar em um ambiente altamente regulado, construir relacionamentos sólidos e garantir sua sustentabilidade e sucesso a longo prazo.

Conte com o Compliasset

Conheça seus colaboradores e terceiros com nossas ferramentas de Background Check e Due Diligence por meio de recursos integrados, questionários com modelos pré-definidos e prazos para preenchimento. Agende agora um bate-papo com nossos especialistas e saiba mais!

*Este conteúdo não representa opinião legal do Compliasset, tendo o propósito puramente informativo.

Entre em contato

Ícone Contato Software Compliasset Alertas Artigos

Faça parte do futuro do compliance no mercado regulado com o Compliasset.

Descubra como o nosso software pode fortalecer seu negócio.

Fale conosco hoje mesmo e agende uma demonstração gratuita!

APENAS 30 MINUTOS DE CONVERSA e PRONTO

O Compliasset te ajuda a ter mais velocidade no dia a dia!

Tenha o melhor software de Compliance como o seu aliado. É rápido, fácil e vai te colocar entre os melhores.